quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Cruzeiro Monarch Pullmantur 2017

Cruzeiro All Inclusive: Bebidas da Pullmantur 2017







sábado, 14 de outubro de 2017

Resort Occidental em Cartagena

Se você conhece pa resorts da República Dominicana NÃO compre aqui. 

Vai ser uma decepção ...


domingo, 8 de outubro de 2017

Chegada a Cartagena das Indias

O voo do Panamá levou uma hora. 

No Caribe ainda usam aqueles chatérrimos formulários na aduana. Os funcionários que recebem raramente os leem. Nesta viagem deixei vários campos em branco e em uma oportunidade não entreguei um dos formulários. Tudo certo. 

Os taxistas queriam nos levar até que apareceu uma van, foram 15 dólares até o hotel. Ele queria 40.000 pesos, disse que só tinha dólares. 

O café da manhã é um pouco diferente, se escolhe de um menu de opções e eles servem:


Bem bom. 


Esta é a vista que temos, sentados no café. Confiam que chove pouco...

 Cartagena está infestada de vendedores ambulantes. Muito chato. Não fui mais em algumas praias do nordeste  função disso. Pena. 

Hoje achei uma cerveja local boa. 


Tem Uber em Cartagena. 





sexta-feira, 6 de outubro de 2017

CheckIn para o Panamá

Primeira vez que alguém nos pede a vacina para febre amarela.

Levou 6 anos para acontecer!


Na reserva com a Copa havia perguntado sobre as malas... agora no aeroporto mudou!

Vamos ver elas somente na Colombia. 

O voo atrasou um pouco para sair. O avião era um 737-800 sem sistema individual de entretenimento. 

A experiência anterior com a Copa tinha sido melhor. 

Em função do fuso chegamos as 6:30 no Panamá.  

O motorista da van chegou pedindo os 12 dólares padrão por passageiro.  Fechamos  10. 

Fomos para o hotel para descansar. No trajeto vimos a parte moderna da Cidade do Panamá, bem bacana. 

domingo, 1 de outubro de 2017

Sonhando com a Russia

Eu tenho uma convicção: não vou ir até a Russia via aérea, não me sinto nem um pouco a vontade em função da língua. Dizem que inglês por lá é mosca branca...

Assim sendo, de tempos em tempos, olho os preços dos cruzeiros que desembarcam lá.

Achei um novo:

Suécia, Finlândia, Rússia, Estónia21 de julho de 2018Costa MagicaNº noites cruzeiro: 7Porto de partida:Estocolmo

Será desta vez?

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Furacões no Caribe - Harley Irma Jose Katia Lee Maria e Nate

Cerca de um mês antes do nosso embarque para o Caribe começaram a surgir fortes furacões no Caribe.

Os nomes são dados em ordem alfabética e foram: Harley, Irma, Jose, Katia, Lee, Maria e Nate!

Algumas empresas de cruzeiros fizeram resgates humanitários com os seus navios. 

Royal Caribbean announced this weekend that it will dispatch two ships to St. Thomas and St. Maarten, two islands that were hit hard by Hurricane Irma. 

Norwegian Cruise Line is sending one ship to St. Thomas to pick up about 2,000 people late Monday who couldn't get off the island before the storm.


Duas ilhas que conhecemos em outras viagens foram bem atingidas pelo Irma: Antígua e Barbuda e San Martin.



Já o Maria fez muito estrago em Guadalupe. 
Vamos para os lugares MENOS atingidos por furacões no Caribe: o Nate furou isso. 

Furacão Nate avança para os EUA após causar mortes na América Central

Costa Rica, Nicarágua e Honduras foram os países mais atingidos pelo Nate, quando ele ainda era uma tempestade tropical.


São as ilhas na porção sul do Caribe. Entre os locais raramente afetados por furacões estão Aruba, Curaçao, Bonaire, San Andrés (Colômbia), Grenada, Trinidad e Tobago e a costa de países como Venezuela e Colômbia. As ilhas no oeste do Caribe também tendem a ser menos afetadas do que as ilhas no lado leste. 
O período oficial da temporada de furacões no Atlântico é de 1 de junho a 30 de novembro. Embora haja chances de furacões ocorrerem em qualquer época do ano, esses 6 meses concentram cerca de 97% das atividades tropicais ocorridas entre 1851 e 2013. 
Dentro da temporada de furacões, as maiores atividades ocorrem entre agosto e outubro, especialmente em setembro. Nesses três meses, há a concentração média de 78% das tempestades tropicais, 87% dos furacões de categorias 1 e 2 (mais fracas) e 96% de categorias 3, 4 e 5 (mais fortes) de todo o ano. As atividades mais frequentes acontecem no início ao meio de setembro. Os maiores estragos ocorrem quando os furacões atingem a terra; quando estão apenas no mar, as consequências são muito menos desastrosas. 
Outro dado importante e que pode, de fato, afetar a escolha do momento da viagem, é que os meses da temporada de furacões são também os mais chuvosos, portanto leve essa informação em consideração no momento de escolher a data da viagem. As chuvas também atrapalham o aproveitamento da viagem e os meses mais chuvosos são, geralmente, entre agosto e outubro.
A previsão inicial da NOAA divulgada em 25/5/17 aponta para a formação de 2 a 4 grandes furacões, com categoria 3, 4 ou 5 no Atlântico Norte.

Em 2017, o número de tempestades e de furacões deve ficar acima da média, prevê a NOAA - National Oceanic & Atmospheric Administration. Embora tenha ocorrido a formação da tempestade tropical Arlene entre os dias 19 e 21 de abril, o que é raro, o monitoramente de furacões começa oficialmente no dia 1 de junho e vai até 30 de novembro.

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Decepção com a Avianca

Fiz um bate e volta com a Avianca, bem decepcionante...

Os voos nacionais não guardam semelhança com os internacionais.

Nos 2 trechos meu assinto não reclinava.